Novos negócios em São Miguel do Gostoso (RN)


Vejam só que case interessante para a imprensa. A matéria está publicada na Agência Sebrae de Notícias. O legal é que os empresários de Gostoso já estão fazendo um curso de gestão com o pessoal do Sebrae-RN…

Você abriria uma pequena empresa numa cidade chamada São Miguel do Gostoso? Não? Então se prepare para uma surpresa. O município a 112 km de Natal, no litoral norte do Rio Grande do Norte, é o que mais tem se desenvolvido na região. Conhecida como a ‘esquina do Brasil’, a cidade com cerca de 9.000 habitantes (IBGE 2007) será nas próximas décadas, muito provavelmente, segundo especialistas em turismo, uma nova Canoa Quebrada (CE).

Lugar ótimo para a prática do windsurf, por enquanto, São Miguel do Gostoso é só sossego. Não há vendedores na praia ou buggies na areia, um paraíso de tranqüilidade. Água limpa (com fundo de conchinhas), areia branca e fofa e muita amabilidade dos moradores locais. A mídia também tem se interessado pelo lugar. Jornais e revistas têm dado destaque, mas São Miguel do Gostoso ainda continua uma pequena cidade à beira do oceano Atlântico.

Apesar da simplicidade, a cidade reserva uma surpresa: a qualidade das pousadas e restaurantes locais. Pequenos negócios cheios de charme e turistas. Com pouco mais de dez estabelecimentos hoteleiros, Gostoso, como a cidade é conhecida, já é uma praia que, proporcionalmente ao seu tamanho, conta infra-estrutura turística e tem opções para todos os gostos e bolsos. Além disso, grande parte dos meios de hospedagem é considerada ‘pousada de charme’. São mais de 15 restaurantes e bares, todos oferecendo de comida regional nordestina até os deliciosos frutos do mar.

Os empresários da cidade uniram-se aos moradores em um protesto bem-humorado contra a falta de sinal de celulares. Eles deflagraram uma campanha para tentar sensibilizar as operadoras, já que o município é um dos que mais recebe turistas e novos empreendimentos no Estado. Não raro, comerciantes, turistas e nativos enfrentam transtornos e contratempos por causa da dificuldade em se comunicar por meio dos aparelhos de celular. As operadoras ainda não se manifestaram, mas as placas já se tornaram, pelo inusitado, o ponto mais fotografado pelas centenas de visitantes que chegam ao município.

Na Pousada dos Ponteiros, uma das mais famosas da região, o celular é uma das reclamações de um dos sócios, Emanuel Néri. “Por incrível que pareça, São Miguel do Gostoso ainda não tem sinal de telefonia celular. É inacreditável que isso aconteça, especialmente quando esta praia torna-se cada vez mais uma opção para turistas de todas as partes do Brasil e de vários países. Em termos de telefonia móvel, estamos na idade da pedra”, esbraveja.

Logo ao entrar na pousada, o turista se depara com uma placa avisando o turista desinformado que não há celular. “Celular aqui não tem sinal, nem Oi nem TIM, nem Claro nem Escuro, nem Vivo nem Morto. Operadoras onde estão vocês? Aqui é Gostoso, mas também é Brasil”, diz a placa, uma das mais fotografadas pelos turistas. Mas, se não tem celular, tem ao menos internet. A pousada conta com internet banda larga.

O destaque, porém, é para o ótimo restaurante O Balica. Além disso, a pousada dispõe de 8 chalés de frente para o mar e 6 recuados, envoltos num bonito jardim com coqueiral.
Os chalés são equipados com ar ou ventilador, frigobar e tv. A pousada conta ainda com piscinas para adultos e crianças, salão de jogos, mini-spa com ofurô e massagens. Aliás, o mini-spa oferece massagens terapêuticas, especialmente as indianas ayurvédicas.

Internet é o que não falta em Gostoso. Há vários estabelecimentos que oferecem o serviço a um preço bem em conta. Quem sentir falta da tecnologia é só procurar, por exemplo, o bar/pizzaria/internet Quintal. Lá tem sorvete de graviola, pizza paulistana e acesso à rede mundial de computadores.

De Ribeirão Preto, em São Paulo, o proprietário Caio (simples assim) chegou há um ano com a família (mulher e filho de quatro meses). Está apostando todas as fichas no desenvolvimento da cidade. Contratou para ajudá-lo um argentino, de nome Miguel (também simples assim), que fala inglês, espanhol e português, o que é fundamental para receber os visitantes estrangeiros.

As pousadas são bem-vindas, mas os grandes hotéis e resorts dividem os ‘gostosenses’. Segundo Néri, há o medo da destruição ambiental e da paisagem que é o principal cartão de visitas do município. Com uma ocupação média de mais de 50% mesmo fora de temporada, as praias de São Miguel do Gostoso têm sido procuradas pela indústria do turismo.

De dezembro a fevereiro e em julho, São Miguel recebe brasileiros de todos os lugares do País. Já em agosto e setembro, os estrangeiros tomam conta do lugar. Ninguém sabe ao certo o número de turistas, mas os empresários dizem que são muitos e de várias partes da Europa e Estados Unidos.

La Brisa

Respeitado em toda a comunidade, o empresário Leonardo Godoy é referência em São Miguel do Gostoso. Ele nasceu em Natal, mas viveu durante muitos anos na Bahia e em São Paulo. Godoy chegou a Gostoso em 1976 de buggy e se apaixonou pelo lugar.

Foi pioneiro no turismo com a construção da Pousada do Gostoso e participou em importantes projetos como abertura da entrada para as praias e a definição do nome de todas as ruas de Gostoso. Amante da arte de velejar, ele batizou as ruas, todas com nomes de motivos marinhos.

Atualmente é dono do La Brisa. A especialidade é arroz de polvo com camarão. Mas se aparecer alguma criança que rejeite o prato, Godoy prepara logo um gostoso macarrão a bolonhesa.

Serviço:
Agência Sebrae de Notícias – (61) 3348-7494 e 2107-9359
Pousada dos Ponteiros – (84) 3263-4007
La Brisa – (84) 9998-6199

17 Comentários em “Novos negócios em São Miguel do Gostoso (RN)”

  1. Beth Matias Says:

    Oi Alberto
    Quem me passou foi um emrpesário conceituado em São Miguel do Gostoso, que tem uma pousada lá. Seu nome é Emanuel Néri, jornalista que trabalhou em várias publicações aqui em São Paulo.
    A Pousada dele é a dos Ponteiros. Eles está envolvido também a prefeitura e a secretaria de turismo da cidade.
    Abraços
    Beth

  2. Jose Alberto Martins Says:

    Oi Beth….vc poderia me informar qual a fonte que forneceu esses dados?……Sebrae, Prefeitura, Associação Comercial…etc…
    obrigado
    Alberto

  3. Beth Matias Says:

    Desculpe a demora, mas estava checando. São 100 mil turistas/ano

  4. Beth Matias Says:

    Oi José Alberto
    Vou dar uma investigada nos números atualizados e logo te digo
    Abraços
    Beth

  5. Jose Alberto Martins Says:

    Olá!!
    gostaria de uma informação….a respeito da “quantidade/numero” de turistas que visitam S.M.Gostoso….mensal/anual??
    Obrigado;

  6. Beth Matias Says:

    Maristela
    São Miguel alia coisas importantíssimas: relaxamento total e boa alimentação. O lugar tem se desenvolvido muito. É uma ótima dica de férias!

  7. Maristela Vianna Says:

    Oi Beth!
    estou indo, de novo, a Gostoso. Ficarei de 01 a 08/01/13. Parece que tem alguma coisa mística nesse lugar, pois, desde o dia que voltei – estive em abril de 2011, não consigo me esquecer de Gostoso.

  8. Beth Matias Says:

    OI Renato
    É possível sim. Procure o escritório do Sebrae mais próximo e planeje o seu negócio!

  9. Renato Says:

    Ola,

    Trabalho na area de turismo e gostei muito do que escutei sobre a regiao, pense seriamente em me mudar para Gostoso. eh possivel trabalhar com aluguel e passeio de quadriciclos e/ou bicicletas ?

  10. Beth Matias Says:

    Vanildo
    Qual é a cidade?
    Abraços
    Beth

  11. Beth Matias Says:

    Oi Maristela
    A comida lá também é especial!

  12. Maristela Vianna Says:

    Gostoso é gostoso mesmo. Me apaixonei quando estive lá em abril/11. Pretendo voltar e quando puder me instalar por lá. É um lugar, simplesmente, maravilhoso o pessoal muito acolhedor.

  13. vanildo matias lourenço Says:

    sou um pequeno empresario em ramo de papelari e enformatica e gostari de saber se a cidade tem comercio para esse tipo de comercio ;; pois estou muito enteresado na cidade;;;

  14. Edimilson Salles Says:

    Olá, fiquei muito interessado pela cidade, sou um pequeno empresário de Londrina no Paraná e tenho interesse em me estabelecer na região, alguém sabe de um pequeno comércio para venda ou arrendamento, padaria, rstaurante, pousada, etc????


  15. MARAVILHOSA MATÉRIA, E É SEMPRE BOM SABER ONDE ESTÃO AS MELHORES PRÁTICAS DE GESTÃO DE NEGÓCIOS ALIADAS A CONSCIÊNCIA AMBIENTAL.
    GOSTRAIA DE SAEBER COMO POSSO EMPREENDER NESTE LOCAL.

    Cordialmente,
    STENIO BRUNNO
    Profissional Vendas/Hospitalidade
    &
    Experience Marketing
    Mobile: +55-21-95196889
    e-mail: steniobrunno@yahoo.com.br
    tungsstenio@hotmail.com

    P Antes de imprimir pense em seu compromisso com o Meio Ambiente

  16. Beth Matias Says:

    Oi Nadilson
    O lugar é maravilhoso e um case de sucesso…pequenos empresários na região têm consciência ambiental, trabalham muito bem o turismo.
    Vale conferir…

  17. NADILSON Says:

    Quem dera que todos os empresários e a população em geral tivessem a consciência de que viver bem, as vezes, não depende de muito dinheiro. As vezes depende só de vivermos bem em um lugar tranquilo e bonito, e talvez sem celular, sem internet, sem até energia elétrica.


Deixe aqui a sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Blog do E-commerce - Últimos Posts

Este blog foi construído com o objetivo de levar informações a empreendedores interessados em obter conhecimento

Jairo Marques

Este blog foi construído com o objetivo de levar informações a empreendedores interessados em obter conhecimento

VAI E VEM

Não renunciarás à tua liberdade de expressão e de opinião

WINNING IDEAS - Tien Wong's Blog

On Leadership and Hypergrowth in the Entrepreneurial Economy

Late Blooming Entrepreneurs

Making it big in business after age 40

Encontro de Amigas

Dicas descoladas e úteis para o seu dia a dia

%d blogueiros gostam disto: